-   -  Sunday 24th of March 2019 -  www.kaluach.org

Quem esta on-line

Nós temos 42 visitantes online

Facebook Friends

Connect with Facebook
Home Artigos Interessantes Salvas pelo Sionismo: as crianças de Teerã
Adicione no Facebook Adicione no MySpace Siganos no Twitter Veja os videos no Youtube
Salvas pelo Sionismo: as crianças de Teerã PDF Imprimir E-mail
Escrito por Paulinho Rosenbaum   
Qua, 29 de Julho de 2015 03:10
AddThis Social Bookmark Button

"Crianças de Teerã" é o nome usado para se referir a um grupo de crianças judias polonesas,

A Jewish girl, one of the "Tehran Children" (about 1,000 Polish Jewish refugee children who reached Palestine), upon arrival at the Atlit train station. Palestine, February 18, 1943.

principalmente órfãos, que escaparam da ocupação alemã nazista da Polônia,

foram salvas pelo Movimento Sionista e enviadas em segurança para Israel.


Menina judia, uma das  "Crianças de Teerã" (cerca de 1,000 refugiados judeus da Polônia levadas sãs e salvas pelo Movimento Sionista para Israel, chegando na estação de trem de Atlit, em 18 de Fevereiro de 1943. — Central Zionist Archives.


 

Este grupo de crianças encontrou refúgio temporário em orfanatos e abrigos na União Soviética, e mais tarde foram evacuadas com várias centenas de adultos para Teerã, no Irã, antes de finalmente chegar a Israel em 1943, onde cresceram, ergueram famílias, prosperaram alguns se tornaram grandes cientistas, heróis militares e até mesmo grandes rabinos.

Como resultado das negociações entre a Agência Judaica e a administração britânica em Eretz Israel, as crianças finalmente receberam certificados que permitam a sua imigração para Eretz Israel.

 

Em 3 de janeiro de 1943, 716 crianças com seus acompanhantes adultos, muitos deles também refugiados, viajaram de caminhão para Bandar Shahpour no Golfo Pérsico, e de lá no cargueiro dunera para Karachi, Paquistão.

A partir de Karachi, os refugiados viajou no Noralea em torno da Península Arábica e através do Mar Vermelho para a cidade egípcia de Suez. As crianças, então, cruzaram o deserto de Sinai por trem, e chegaram ao campo de refugiados de Atlit no norte de Eretz Israel em 18 de Fevereiro de 1943, onde o Yishuv (comunidade judaica de Israel) congratulou-se com eles.


Um segunda transporte de 110 crianças chegou em Eretz Israel por viaterrestre (através do Iraque), em 28 de agosto de 1943. Ao todo, cerca de 870 "Crianças de Teerã" chegou em Eretz Israel, e logo se estabeleceu em kibutzim (fazendas coletivas) e moshavim (vilas agrícolas cooperativa).


Trinta e cinco delas morreram Al Kidush Hashem [honrando o Nome de D-us] como civis ou como soldados na Guerra de Independência de Israel em 1948-1949.


Copyright © United States Holocaust Memorial Museum, Washington, DC


 

LAST_UPDATED2
 

Banners

Banner


Guper, website, sistemas web e mídias sociais