-   -  Saturday 19th of June 2021 -  www.kaluach.org

Quem esta on-line

Nós temos 29 visitantes online

Facebook Friends

Connect with Facebook
Home Lendas Tropicasher BAT MENTSH CONTRA O DR. A.PAGÃO
Adicione no Facebook Adicione no MySpace Siganos no Twitter Veja os videos no Youtube
BAT MENTSH CONTRA O DR. A.PAGÃO PDF Imprimir E-mail
Escrito por Paulinho Rosenbaum   
Qua, 11 de Novembro de 2009 04:13
AddThis Social Bookmark Button

Em algum lugar da longíqua São Paulo, Acrédulo da Cisma Pagão buscava iluminar a escadaria da sua casa com a tela do celular em mais uma noite de apagão. O fazia enquanto praticava seu esporte preferido: filosofia vã. Um dia, decidiu desacreditar que qualquer coisa exista:

- Não existo e pronto!

- Mas dr. Acrédulo, se afirma que não existe, então com quem estou falando?

- Com você mesmo.

- Mas se estou falando, é porque o senhor está me escutando.

- Se eu não estivesse escutando, suas palavras deixariam de emanar de ti?

- Emanariam do mesmo jeito.

- Isto significa que não existo.

--- x ---

Dr. Acrédulo era o criador da Lógica Jeguiniana, uma teoria filosófica que desacredita a tudo e a todos, usando argumentos indecifráveis e improvavelmente falsos.

Ficou conhecido como Dr. A.Pagão, pois se empenhava em apagar a fé das pessoas, aplicando sem misericórdia a sua Lógica Jeguiniana.

Mas não muito longe dali, na sua Bat Yeshiva, o incansável lutador em prol da fé e dos bons costumes fazia mais um de seus experimentos científico-espirituais:

- Vosso cálice vespertino de vinho, da nossa reserva especial de vinhas do Golan, senhor Bat Mentsh...

- Ótima idéia, Avraham. Ponha-o ali no descatalizador cabalístico de vinhos.

- Mas senhor, isto mudará a estrutura moléculo-espiritual do vinho e...

- Exato Avraham, o vinho passará a ser um vinho de fora de Israel e sua brachá final será outra. (*)

- Santo vinho de Pessach, Bat Mentsh! Não podemos deixar que o Dr. A Pagão saiba disto!!

- Reubin, o Íngale Prodígio! Sábias palavras, mas... que barulho é este lá fora?

- Há uma multidão fazendo passeata em frente a Bat Yeshiva, Bat Mentsh!

- Devo dispersá-los com convites grátis para o próximo show do Tropicasher, senhor?

- Não, Avraham, a Bat Yeshiva está aberta para todos os que a procuram sedentos por uma palavra de Torá. Deixe que os primeiros cinco mil entrem e se sentem. Sirva-lhes bolinhos de guefilte-bacalhau e suco de kibe ao ponto.

---x---

Bat Mentsh e Reubin eram na verdade Baruch Waynenberg e seu pupilo Duvid Grechtzin.

Baruch havia feito fortuna vendendo pacotes turísticos casher para o Nordeste.

Desta forma podia alimentar seu sonho de fomentar a justiça pela luz da Torá.

Para isso construiu sua Bat Yeshiva dentro de uma caverna em homenagem aos Sábios que sacrificavam a vida para  estudar Torá enfurnados em alguma caverna de Israel na época dos romanos, que puniam com a morte quem desenvolvesse a fé em Hashem por meio do estudo da Torá.

Trouxe Reubin para ser o seu Chavrúta (companheiro de estudos Talmudicos), pois ele era considerado um Ilui (prodígio) no estudo da Torá e isto desenvolveu tanto a sua mente que caçava os piores fascínoras aplicando lógicas talmúdicas rápidas... e rasteiras. (Entenderam o trocadilho?)

Para cuidar da Bat Yeshivá e de sua mansão, Baruch Waunenberg contava Avraham, seu fiel mordomo e mashguiach há mais de três gerações na família. (**)

- Senhor Bat Mentsh, o Dr. A.Pagão está apagando a vontade das pessoas rezarem - reclamava o rabino do Shil da esquina.

- Senhor Bat Mentsh, o Dr. A.Pagão está apagando a vontade das pessoas comerem casher - reclamava o dono de um rodízio de pastel casher.

- Senhor Bat Mentsh, o Dr. A.Pagão está apagando a vontade das pessoas darem tsedacá - reclamavam os pobres da cidade.

- Não!!! Isto não vai acontecer! A tsedacá é a própria alma da Torá, assim como está escrito: "Não pises no sangue do teu próximo", bradava Bat Mentsch, ao mesmo tempo em que distribuía Bat-caixinhas de tsedacá em todas as casas da cidade. Sugiro fazer o seguinte:

1. Reduzam o tempo gasto com Lashon-hará (fofocagem) em 100%. (Meta)

2. Aumentem a energia gasta com o estudo de Torá em 200 Kilomitzvot/mês

3.Este tempo terá um acréscimo de 50% no Shabat e Yom Tov.

4 As brachót ditas este ano terão um acréscimo de 200% ao mês.

5. Caso a meta não seja alcançada, confrontaremos o Dr. A.Pagão usando um método infalível.

 

Continua no próximo capítulo...

---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Glossário de termos judaicos e equivalentes:

(*) vinhos e massas provenientes de Israel fazem com que suas brachót finais tenham uma terminação diferente do caso destes serem de fora da terra Santa.

(**) mashguiach é um supervisor de alimentos e vinhos casher.

 

Gostou de ler? Então una-se ao G.U.E.L.T. (Grande União Espiritual para Levantar o Tropicasher)
Que tal dedicar uma página ou seção para ampliar e divulgar nossos site pelos quatro cantos da net?

 

LAST_UPDATED2
 

Banners

Banner


Guper, website, sistemas web e mídias sociais