-   -  Saturday 19th of June 2021 -  www.kaluach.org

Quem esta on-line

Nós temos 20 visitantes online

Facebook Friends

Connect with Facebook
Home Porções da Semana Devarim (Deuteronômio) PARASHÁ KITETSÊ - BAR MITSVÁ DE MORDECHAI [JAYMINHO] ROSENBAUM
Adicione no Facebook Adicione no MySpace Siganos no Twitter Veja os videos no Youtube
PARASHÁ KITETSÊ - BAR MITSVÁ DE MORDECHAI [JAYMINHO] ROSENBAUM PDF Imprimir E-mail
Escrito por Paulinho Rosenbaum   
Qua, 03 de Setembro de 2014 18:36
AddThis Social Bookmark Button

HASHEM GARANTE NOSSA CONTINUIDADE QUANDO CUMPRIRMOS A SUA TORÁ

Esta é a parashá com maior número de mitsvót da Torá, 74 das nossas 613 mitsvót!


Foi a primeira onde cumpri Shabat em Israel, no final do serviço militar e nesta mesma parashá
vejo meu sobrinho primogênito do meu irmão subir à Torá.
Além da alegria imensa, é uma prova contínua de como age a Providência Divina em Am Israel.
A parashá descreve como comporta um exército judeu quando sai à guerra onde o instinto humano
é  mais propenso a errar e começa com um alerta: “Quando você sair à guerra contra teus inimigos...”
Nossos sábios perguntam por que o alerta está no singular, já que o exército é um conjunto harmônico
de soldados cujo sucesso depende mais da união e do que do talento individual.
O comentário clássico diz que este inimigo é o Iétser hará, a má inclinação, e que,
se cada um de nós se propuser a lutar contra ele, Hashem o entregará em nossas mãos!
Mas quero adicionar aqui um comentário que une o plural ao singular, numa só missão:
Como já dissemos, a união e a harmonia de um exército pode significar a diferença entre vitória e derrota.
Assim, o mesmo podemos dizer do nosso povo, Israel, das nossas comunidades
e da nossa vida em família: tudo fica mais fácil de enfrentar quando vivemos juntos
e enfrentamos os nossos desafios em harmonia.
Hashem me colocou num povo, numa comunidade e numa família onde vejo isso de perto todos os dias,
e isto é um motivo de grande orgulho para mim. Quando nós todos atuamos no singular, como um só,
colocando de lado nossas diferenças e egoísmo, qualquer inimigo se torna menor e mais fácil de contornar.
Além da guerra como conhecemos, a parashá fala dos inimigos do caráter,  tais como:
enganar o próximo nos negócios, em pesos e medidas,  e nas atividades cotidianas.
No maftir, o último a ser chamado à Torá, confrontamos Amalêk, inimigo de Israel em todas as gerações,
hoje personificado no Islã radical, que deseja aniquilar nosso povo do mapa.
Amalêk aparece quando o  judeu se afasta do Altíssimo.
Então aí está o remédio: Torá e boas ações tem o poder de derrotar Amalêk ,
seja ele um inimigo internacional como o terror islâmico,
ou um inimigo interno como nosso Iétser Hará.
Então Hashem já deu o sinal e o remédio: a luta continua, mas unidos, nós podemos vencer!


Paulinho Rosenbaum
LAST_UPDATED2
 

Banners

Banner


Guper, website, sistemas web e mídias sociais